O nosso website usa cookies para que possamos melhorar sua experiência. Saiba mais sobre os nossos cookies

Aceito
1

Movicol Laranja Concentrado para Solução Oral 500ml

Medicamento não sujeito a receita médica indicado para o tratamento da obstipação crónica.

Ref. 5388244
9,85 €
Com IVA

Compre

Portes Grátis para Portugal Continental. Veja as restantes opções:

 Calcular o custo de envio

Descrição

Movicol Laranja Concentrado para Solução Oral está indicado para o tratamento da obstipação crónica. 

Substâncias ativas: Macrogol 3350, Cloreto de Sódio, Bicarbonato de Sódio e Cloreto de Potássio.

O macrogol 3350 atua por ação osmótica no intestino, induzindo um efeito laxante. O macrogol 3350 aumenta o volume das fezes, o que desencadeia a motilidade do cólon por meio das vias neuromusculares.  Os eletrólitos combinados com macrogol 3350 são substituídos ao longo da barreira intestinal (mucosa) por eletrólitos séricos e excretados na água fecal sem ganho ou perda de sódio, potássio ou água. 

Posologia e modo de administração:

Um período de tratamento da obstipação com Movicol Laranja não excede, normalmente, as 2 semanas, embora possa ser repetido, se necessário. Tal como para todos os laxantes, não se recomenda a utilização prolongada. Pode ser necessária uma utilização prolongada em doentes com obstipação crónica grave ou refractária, secundária à esclerose múltipla ou à doença de Parkinson ou provocada por uma medicação regular que cause obstipação, em particular, os opiáceos e os antimuscarínicos. Adultos, adolescentes e idosos: 25 ml diluídos em 100 ml de água 1 a 3 vezes por dia em doses divididas, de acordo com a resposta individual. Para uma utilização prolongada, a dose pode ser ajustada diminuindo-a para 1 ou 2 doses por dia de 25 ml diluídos em 100 ml de água. Crianças: Movicol Laranja não é recomendado para utilização em crianças com menos de 12 anos de idade. Estão disponíveis outras apresentações de Movicol para uso pediátrico. 

Contraindicações:

Hipersensibilidade à substância ativa ou a qualquer um dos excipientes. Perfuração ou obstrução intestinal, devidas a perturbações estruturais ou funcionais da parede intestinal, íleo, situações inflamatórias graves do trato intestinal, como doença de Crohn, colite ulcerosa e megacólon tóxico. 

Em caso de dúvida ou persistência dos sintomas consulte o seu médico ou farmacêutico.

De acordo com a legislação em vigor, os medicamentos não sujeitos a receita médica, em Portugal, só podem ser entregues nos concelhos da Maia, Gondomar, Matosinhos, Porto, Santo Tirso, Trofa, Valongo e Vila do Conde. Esta limitação não se aplica a envios para outros Estados Membros da União Europeia.